O Mundo depois dos Descobrimentos…

Aqui fica uma série de materiais  de apoio sobre o mundo depois dos Descobrimentos retirados do  manual do oitavo ano da Texto Editora, da autoria de Francisco Cantanhede.

Lisboa Quinhentista

O Mundo Depois dos Descobrimentos

Published in: on 6 de Dezembro de 2010 at 12:58  Deixe um comentário  
Tags: , , ,

Fases da expansão

Os mapas constituem instrumentos essenciais para a localização dos fenómenos estudados no espaço.

A partir do mapa que te é apresentado, podes analisar a evolução dos descobrimentos portugueses desde o infante D. Henrique ao reinado de D. João II.

Assim, este mapa permite localizarem alguns dos locais que já foram falados nas aulas do 8º8.

Published in: on 1 de Novembro de 2010 at 15:39  Deixe um comentário  
Tags: , ,

Objectivos do 1ºTeste – 8º8

 

Manual : Da página 10 à página 23

Esquema entregue no inicio do primeiro período em conjunto com o teste diagnóstico.

Fichas de Trabalho do Caderno de Actividades : Fichas de Trabalho nº1 e nº2

OBJECTIVOS

  • Reconhecer as principais características da sociedade medieval.
  • Enumerar os factores que conduziram à crise do século XIV.
  • Identificar os problemas do reino de Portugal que conduziram  a uma crise polítca.
  • Justificar a importância da Batalha de Aljubarrota.
  • Localizar no tempo e no espaço o expansionismo europeu.
  • Enumerar os motivos da expansão europeia.
  • Mostrar o interesse de toda a sociedade portuguesa na expansão.
  • Destacar os factores que contribuíram para o pioneirismo português na expansionismo europeia.
  • Explicar os factores que estiveram na base da expedição portuguesa a Ceuta.
  • Referir as principais razões do fracasso da conquista de Ceuta.
  • Caracterizar a forma de colonização da Madeira e dos Açores.
  • Caracterizar a política expansionista de D.Afonso V.
  • Definir feitoria.

 

Qualquer dúvida deve se colocada nos comentários a este post.

E… não se esqueçam : é necessário folha de teste !!!

BOM ESTUDO !!!!

Luísa de Jesus

 

Navegação Astronómica – Mais uma ajuda para o teste

Se a primeira etapa dos Descobrimentos é marcada pela coragem e audácia dos responsáveis políticos e dos seus navegadores, esta também se fundamenta na capacidade de síntese e fusão de diferentes conhecimentos e experiências culturais. A nossa posição geográfica permitia o acesso privilegiado a duas culturas náuticas distintas: a navegação no Mediterrâneo e no Atlântico Norte. Por outro lado, soubemos reconhecer e estudar a riqueza do conhecimento astronómico árabe. Do ponto de vista cartográfico, absorveu-se o conhecimento maiorquino e catalão. Para se libertarem da navegação costeira e aproveitarem os ventos oceânicos, que os navegadores portugueses souberam dominar e compreender, foi fundamental um investimento sistemático na navegação astronómica. Tal acontece, já no reinado de D. João II, através da generalização nos navios portugueses da náutica astronómica, com utilização de instrumentos de medição de alturas. São elaborados extensos roteiros e feitos reconhecimentos hidrográficos. A própria cartografia surge renovada, como consequência da navegação astronómica. Através da cuidadosa (e sigilosa) recolha e sistematização de informação, forma-se um espírito de escola entre pilotos e outros mareantes portugueses. Obras tão importantes como o “Tratado da Agulha de Marear” de João de Lisboa, discutem a fundo as limitações e as potencialidades, não só dos instrumentos de navegação, como a construção naval e o domínio do cada vez mais domesticado sistema de ventos.

in, http://museu.marinha.pt/

Published in: on 23 de Outubro de 2010 at 10:36  Deixe um comentário  
Tags: , , , ,

Objectivos do 1º teste – 8º6

Manual : Da página 10 à página 21

Esquema entregue no inicio do primeiro período em conjunto com o teste diagnóstico.

Fichas de Trabalho do Caderno de Actividades : Fichas de Trabalho nº1 e nº2 ( perguntas 1 e 2 )

OBJECTIVOS

  • Enumerar os factores que conduziram à crise do século XIV.
  • Avaliar as consequências da crise.
  • Identificar os problemas do reino de Portugal que conduziram  a uma crise polítca.
  • Justificar a importância da Batalha de Aljubarrota.
  • Localizar no tempo e no espaço o expansionismo europeu.
  • Enumerar os motivos da expansão europeia.
  • Mostrar o interesse de toda a sociedade portuguesa na expansão.
  • Destacar os factores que contribuíram para o pioneirismo português na expansionismo europeia.
  • Explicar os factores que estiveram na base da expedição portuguesa a Ceuta.
  • Referir as principais razões do fracasso da conquista de Ceuta.
  • Caracterizar a forma de colonização da Madeira e dos Açores.

 

Qualquer dúvida deve se colocada nos comentários a este post.

E… não se esqueçam : é necessário folha de teste !!!

BOM ESTUDO !!!!

Luísa de Jesus

Published in: on 20 de Outubro de 2010 at 15:59  Comments (7)  
Tags: , , , ,
Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.